A ressonância magnética de mamas com contraste é realizada com equipamento de alto campo (1,5 tesla) e com bobina específica, sendo considerado o exame mais eficaz na detecção de lesões mamárias. Porém, devido a seu custo, por ser um exame novo, e com uma base de dados muito menor que a mamografia, a recomendação de se realizar esse exame deve seguir alguns critérios:

- em pacientes mais jovens com histórico familiar referido de câncer de ovário ou mama em um ou mais parentes diretos com menos de 50 anos;
- Pode ser indicada em situações de mama muito densa à mamografia;
- para paciente que tem uma lesão que aumenta o risco de câncer de mama;
- como opção para a biópsia para alguns tipos de lesão de mama,
- complementação de estudo de mamografia e ultrassom de mamas para evitar biópsia ou cirurgia desnecessária (lesão cicatricial x câncer com reação fibrosa).
- para verificar se há outras lesões cancerosas na mesma mama ou na outra mama em casos de câncer diagnosticado;
- para verificar tratamento cirúrgico ou quimioterápico pré-cirúrgico e antever possibilidade de recidivas.
- É considerado o melhor método para avaliar a integridade dos implantes de silicone.

INSTRUÇÕES E PREPARO:

- Trata-se de exame de ressonância magnética de mamas com contraste, sobretudo quando for utilizado como rastreamento de câncer ou investigação adicional de nódulos.
- A ressonância magnética de mamas sem contraste é feita somente quando o objetivo do exame for o de avaliar, exclusivamente, a integridade das próteses mamárias (suspeita de ruptura) ou em casos de suspeita de contratura capsular.
- Chegar com 30 minutos de antecedência.
- Clientes diabéticos e em uso de qualquer medicação hipoglicemiante (para controle do diabete) injetável ou por via oral: verificar junto ao médico assistente do cliente a necessidade de suspensão ou ajuste da medicação para o período de jejum.
- Demais medicamentos de uso rotineiro devem ser mantidos em suas dosagens e horários habituais.
- Menores de 18 anos e incapazes: obrigatório estar acompanhado de um representante legal devidamente identificado (pai, mãe, tutor ou curador).
- Maiores de 60 anos: aconselhável vir acompanhado de um adulto.
-- É desejável a todos os clientes com idade superior a 70 anos, apresentarem o resultado de Creatinina realizado nos últimos 60 dias.
- Comparecer à unidade sem maquiagem nem gel ou creme nos cabelos, bem como sem joias, brincos , pingentes e piercings.
- Apenas não se recomenda que indivíduos com tatuagens recentes ou maquiagem definitiva, feitas pelo menos um mês antes, sejam submetidos à ressonância magnética. Quando a região da tatuagem e a região do exame coincidem, podem surgir aquecimento e irritação no local em alguns casos.
- Trazer exames anteriores relacionados (radiografias, ultrassonografias, tomografias computadorizadas e/ou ressonâncias magnéticas).
- É obrigatória a apresentação do pedido médico e da carteira de identidade oficial do(a) cliente.
- A apresentação de eventuais outros documentos exigidos pelo convênio serão orientados no ato do agendamento.

Contra-indicações aos exames de Ressonância Magnética

As seguintes condições e materiais contra-indicam a realização da ressonância:
- Alguns tipos de clipes de aneurisma (sobretudo os mais antigos). Favor entrar em contato com seu médico para saber mais sobre a compatibilidade do mesmo, ou entre em contato conosco.
- Implantes e aparelhos oculares (exceto lentes intra-oculares para catarata)
- Implantes otológicos cocleares
- Marca-passo cardíaco
- Fixadores ortopédicos externos
- Gestantes: evitar no primeiro trimestre, salvas algumas exceções, e realizar apenas nos casos onde exista uma indicação clara.
- Asma ou alergias (principalmente aos meios de contraste radiológicos): em alguns exames será necessária a injeção da substância gadolínio (contraste da RM). Apesar de ter um índice extremamente baixo de reação alérgica, pode haver a necessidade de preparo antialérgico, que se iniciará 12 horas antes do exame.

As seguintes condições e materiais são permitidos para a realização da ressonância:
- Clipes utilizados em cirurgias de vesícula biliar
- Próteses valvares cardíacas (mesmo as metálicas)
- Implantes ortopédicos, como próteses, pinos, parafusos e hastes (exceto os fixadores externos)
- Derivação ventriculoperitoneal
- Dispositivo intra-uterino (DIU)
- Stents intravasculares (como stent coronariano, por exemplo) são permitidos para a realização da ressonância  após 6 semanas de sua colocação.

Obrigatória apresentação de documentação, carteira do convênio e solicitação médica

Locais de Realização do Exame

Unidade de Osasco – Rua Presidente Castelo Branco, 66 Centro Osasco

Favor comparecer com 20 minutos de antecedência ao horário agendado.

Central de Atendimento

Telefone: (11) 4195-1679